segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Jordi Castan comenta sobre a Polícia Militar

Quando tem Policial Militar fazendo de guarda vidas na praia, trabalhando em serviços administrativos na Assembléia Legislativa, na Sede do Governo estadual,no policiamento rodoviário, em serviços burocráticos ou que depois da fazer academia de policia migraram para o corpo de Bombeiros Militar é lógico que sempre vai faltar efetivo para cumprir os trabalhos de maior risco, como o próprio policiamento.
O problema da PM de Santa Catarina é muito grave e inicia dentro da própria corporação.

Nenhum comentário: