.

Colabore com o Feudalismo Atual escrevendo para o e-mail: juliano.bueno1971@gmail.com

sábado, 14 de novembro de 2015

BRASIL - O PERIGO DO ASSISTENCIALISMO

A economia do Brasil desde que a presidente Dilma assumiu o comando do país vem decaindo. A década está perdida relembrando os tenebrosos anos 80 do século passado. A sociedade brasileira não sentia os efeitos colaterais da redução da atividade produtiva justamente pela política assistencialista praticada e defendida pelo PT com o apoio do PMDB e cia. Mas uma hora a corda iria arrebentar e arrebentou. Agora a classe média empobreceu, a produção industrial decaiu e o parque fabril nacional perdeu a competitividade e está sucateado. Sem atividade produtiva, sem consumo, cai a arrecadação. E caindo a arrecadação não tem como continuar o assistencialismo. Ajudar a população menos favorecida é obrigação de qualquer governo. Mas, manter permanentemente essa política de proteção social sufocando a classe média e o empresariado, é suicídio político.

Nenhum comentário: