segunda-feira, 1 de maio de 2017

O CORPORATIVISMO NOSSO DE CADA DIA

O senso comum acredita que o Estado seja independente, soberano e imparcial. Engana-se quem pensa assim. O Estado sempre estará sendo controlado por determinado grupo (partidário, empresarial, sindical, religioso, de servidores, etc) E sem um tratamento especial ao Judiciário, Legislativo e Ministério Público o Estado não funciona. O Executivo fica paralisado pois depende dessa "parceria". Grandes salários e muitas regalias esses poderes barganham para que o país ande um pouco. Por esse motivo a previdência está quebrada no Brasil. E mexer nesses interesses ninguém tem coragem de mexer atualmente no país.

Nenhum comentário: