.

Colabore com o Feudalismo Atual escrevendo para o e-mail: juliano.bueno1971@gmail.com

domingo, 30 de junho de 2013

PRÉDIO ABANDONADO

Este prédio que já foi sede da Casan e da Gered continua abandonado no centro de Joinville. Acredito que seja "falta de recursos financeiros". Mas bem que poderia ser uma delegacia de polícia que falta no centro de Joinville ou até mesmo uma biblioteca. Mas...mas...mas.

sábado, 29 de junho de 2013

Será que descobriremos os reais motivos das manifestações ? Quem está por trás ? Quais os interesses envolvidos ?


Evander Piske Michels respondeu assim: 

Eu creio que é mais uma etapa para implementação de uma nova ordem mundial, um governo centralizador mundial, o Brasil vai virar uma espécie de sociedade comunista juntamente com outros países da América Latina. Esses protestos que nós vemos pelo Brasil não é um simples reflexo da indignação. Existem grupos que estão por trás disso, e existem "poderosos" que estão por trás desses grupos porque de alguma forma essas revoltas vão trazer algum beneficio para eles, seja pela mudança da constituição ou pela implementação do caos no nosso país, para que depois disso seja implementado um novo sistema político no Brasil. Quando Marx escreveu o manifesto comunista ele falou alguma coisa de implementar o caos para depois mudar o sistema político, algo assim. E eu acho que o Brasil está caminhando para isso como aconteceu com a Venezuela.

REVOLTA DO BUSÃO!!!

Desde a primeira mobilização que houve aqui em Natal, RN, denominda #REVOLTA DO BUSÃO, a minha filha mais velha participa. Nessa última, resolvi acompanhar as três filhas e para minha sorte, tive a oportunidade de me arrepiar diante de tal experiência de exercicício político e patriotismo. Estou orgulhosa desses jovens brasileiros. Torço para que essas sementes germinem e dêem frutos nas próximas eleições. Já estamos colhendo alguns frutos. 

Abraços.
Ivana Lucena de Natal

sexta-feira, 28 de junho de 2013

O INVERNO JOINVILENSE COMEÇOU QUENTE

Quem imaginava que jovens pulariam a catraca do terminal central livremente? Quem imaginava que além de entrarem no terminal sem pagar, teriam ônibus de graça até os bairros? Quem imaginava a Polícia protegendo os manifestantes? Ninguém imaginava isso até maio de 2013. Pois de junho para cá as coisas mudaram muito. A estação mais fria do ano começou bem quente em Joinville.

quinta-feira, 27 de junho de 2013

Cada cidade possui seu próprio Renan Calheiro

Cada cidade possui seu próprio Renan Calheiros. Brasília é uma ilha, o continente somos nós. As bases aliadas que sustentam essa oligarquia palaciana no planalto estão dirigindo escolas, estão nos cargos comissionados administrativos regionais. Corruptores reais com veículos públicos utilizados para fins particulares com desprezo pela educação pública e pelo servidor municipal. A biblioteca pública que desabou promete ser melhorada ao ponto de não mais cair na cabeça de ninguém, enquanto a mensalidade do remanejamento do acervo fica no fim das contas para particulares. Os museus, arquivos e demais unidades culturais sacrificadas ainda ao extremo desde o asfalto neoliberal às luminárias petistas.

Emerson Santi - Joinville

A RESPOSTA DO LEANDRO MÜLLER

Será que descobriremos os reais motivos das manifestações ? Quem está por trás ? Quais os interesses envolvidos ? Isso me desperta muita curiosidade.
Resposta do Leandro:  
 
Tem muitos interesses envolvidos, mas cada um com o seu manifesto. Está sendo aproveitado de um momento por vários interesses. O povo  quer melhorias. Existem partidos que vão para se promover e aproveitam pra malhar "o pau" em outros partidos,e uns(pessoas) até se aproveitam pra saquear lojas e tudo mais que e se igualam a muitos políticos por aí.Uns estão no embalo de outros,mas a grande maioria quer sim o melhor para o Brasil e a verdade é que achou um jeito de pedir os seus direitos,se o Brasil ainda tem alguma maneira de ser melhor esse é o único jeito.Quem está por traz das manifestações eu não sei,mas eu fui no protesto pelo o que achava justo e não pelo que talvez quisessem que eu pensasse.
 
 

quarta-feira, 26 de junho de 2013

VALEU O PROTESTO!!!

Estive agora a noite na passeata no centro de Joinville. Percebi a presença de operários, professores, estudantes, empresários, donas de casa e crianças. Uma manifestação justa. Mas sempre existem os mais exaltados. Mas valeu o protesto.

terça-feira, 25 de junho de 2013

INVESTIMENTOS NO TRANSPORTE COLETIVO

Há mais de 15 anos  o usuário do transporte coletivo de Joinville percebe a necessidade de mudanças na sua logística. Não é apenas o valor da passagem que precisa ser reduzido. Mas principalmente disponibilizar um maior número de veículos e horários. A crítica contra o modelo existente é a prova que mudanças são necessárias. Aos poucos os ônibus foram sendo deixados de lado com a melhora da economia. Quem pode comprar um carro ou uma moto fugiu do "busão". Mesmo a prefeitura e as concessionárias percebendo a diminuição do número de passageiros não fizeram nada para reverter a situação. Estamos em 2013 e Joinville continua com um transporte coletivo ultrapassado.Outras cidades no Brasil sofrem do mesmo problema. O Movimento Passe Livre abraçou a causa do transporte público com qualidade e hoje a presidente Dilma "pretende" liberar R$ 50 bilhões para investimentos na mobilidade urbana das grandes e médias cidades do Brasil. Joinville com seus 550 mil habitantes está entre essas cidades e merece há muito tempo planejar e implantar o Veículo Leve Sobre Trilho(VLT) para sua população. O próprio trem pode ser novamente utilizado para os transporte de passageiros ligando Joinville as cidades vizinhas. Mas para isso ser realidade é preciso vontade política e capacidade para enfrentar interesses  contrários. Os protestos espalhados pelo país comprovam que o modelo existente de transporte individualizado esgotou-se e que o transporte público é de fundamental importância para melhorar a qualidade de vida da população.

COMOVIDO

Fiquei comovido lendo a entrevista que o Jornal A Notícia fez com os representantes políticos de Joinville. Tipo assim: Eu aqui e o povo lá, bem longe.

domingo, 23 de junho de 2013

VOCÊ NÃO PODE PROTESTAR!!!

Pelo que estou lendo no facebook, só pode protestar quem consegue definir o que é ser de direita ou de esquerda. Se você acha que o país está uma bagunça mas não sabe a definição do que é a esquerda ou a direita, você não tem direito de protestar contra os desmandos no país. Eu vejo tudo e não morro.

sábado, 22 de junho de 2013

FÉ APENAS EM DEUS

Não basta você trabalhar corretamente, não basta você querer o melhor, não basta você querer o bem. Infelizmente muitos cruzarão a sua vida para que isso seja evitado. Cuidado, muito cuidado quando de repente você ouvir críticas ao seu trabalho, ao seu jeito de ser. Analise profundamente de onde parte essa crítica. A inveja existe e já interrompeu muitos projetos. Por isso tenha fé em Deus, para afastar as pessoas egoístas e invejosas da sua vida.

sexta-feira, 21 de junho de 2013

DEMOCRACIA DE FATO

Os atuais protestos são contra a forma de se fazer política no Brasil. O coronelismo se perpetuou no país. A maioria dos deputados, senadores e vereadores só votam se receberem algum beneficio. Ninguém vota por ideologia. Por isso a necessidade da reforma política urgente para a consolidação da democracia.

INTERESSANTE

Dos três senadores que representam Santa Catarina, dois são de Joinville. Pergunto: O que essa "representação" proporcionou de beneficio até agora para Joinville ???

quinta-feira, 20 de junho de 2013

LUTA CONTRA O STATUS QUO

O movimento é muito mais do que se pode pensar. É um movimento totalmente contra o status quo. Senado tomará providencias.

quarta-feira, 19 de junho de 2013

PRIORIDADE

A entidade privada Sport Clube Corinthians Paulista recebeu R$ 400 milhões do BNDES para conclusão de seu estádio. Enquanto isso, Joinville que é a maior cidade de Santa Catarina não consegue recursos para investimentos em educação - saúde e transporte para seu povo. É ou não é uma VERGONHA!!!

A PIROTECNIA NA TRAGETÓRIA DO CENTREVENTOS

Retiro do Jornal A Notícia de hoje que no dia 19 de junho de 1998 foi publicado o seguinte texto:

 "Joinville apresenta Centreventos em SP - Mais de 200 pessoas, entre representantes do governo paulista e empresários das áreas cultural, artística e esportiva, prestigiaram o pré-lançamento do Centreventos Cau Hansen. O evento ocorreu no Hotel Meliá. O Centreventos foi a primeira arena multiúso construída no País.

Hoje , 19 de junho de 2013 olha o que retiro do sítio do mesmo Jornal A Notícia:


"A Vigilância Sanitária vai interditar o Centreventos Cau Hansen e a Escola do Balé Bolshoi, em Joinville. A fiscal Lia Abreu vistoriou os dois locais na manhã desta quarta-feira e garantiu que irá entregar os autos de interdição na sexta-feira.

Segundo ela, a determinação levará em conta problemas estruturais do entreventos Cau Hansen, como rachaduras em paredes, goteiras, pontos onde verte água em dias de chuva e onde a fiação elétrica está exposta, além de “perigo” de partes de concreto se soltarem na entrada da Escola Bolshoi.

— O Bolshoi, internamente, não apresenta os mesmos problemas. Mas por estar inserido na estrutura do Centreventos, será interditado conjuntamente, pelo perigo que há em sua entrada. A interdição será total — afirma a fiscal.

A vistoria foi de rotina e levou em conta também uma denúncia que a Vigilância afirmou ter recebido."


Vigilância Sanitária vai interditar Centreventos Cau Hansen e Escola Bolshoi em Joinville

Fiscal vistoriou locais nesta quarta-feira e autos de interdição serão entregues na sexta

Enviar para um amigo
Vigilância Sanitária vai interditar Centreventos Cau Hansen e Escola Bolshoi em Joinville Rodrigo Philipps/Agencia RBS
Centreventos Cau Hansen e a Escola do Balé Bloshoi foram vistoriados nesta quarta-feira Foto: Rodrigo Philipps / Agencia RBS
 
Rogério Kreidlow

O Centreventos foi vendido como uma grande coisa e não é nada mais nada menos que um grande galpão.

terça-feira, 18 de junho de 2013

FALTARIA GUILHOTINA

SÃO PAULO - Em um evento sobre transparência pública na última quarta-feira, 8, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, disse que iria faltar guilhotina se o povo soubesse o que se passa contra ele.
Segundo o jornal Folha de S.Paulo, durante o lançamento de um programa estadual que auxilia prefeituras a disponibilizar portais de acesso a informações públicas, o tucano afirmou que o "povo não sabe de um décimo do que se passa contra ele". "Se não, ia faltar guilhotina para a Bastilha, para cortar a cabeça de tanta gente que explora esse sofrido povo brasileiro", continuou.
Alckmin disse ainda que há 'controle zero' sobre casos de corrupção. Ele também afirmou que políticos e autoridades públicas enriquecem e aumentam o seu patrimônio e nada acontece com elas. "E o coitado do honesto é execrado. É desolador."
Segundo a reportagem, as críticas do governador foram gerais, sem serem direcionadas a uma esfera do Poder ou a um partido político.
Participaram do evento representantes do Ministério Público de São Paulo e da Corregedoria-Geral do Estado, órgãos que costumam ser responsáveis por combater a corrupção. 
 
Fonte: estadao.com.br (09/05/2013)

segunda-feira, 17 de junho de 2013

PROVOCARAM O POVO

Tudo isso que está acontecendo no Brasil podia ter sido evitado. Infelizmente o deslumbramento dos políticos que ganham altos salários e usam e abusam do dinheiro público chegou no limite. Provocaram o povo.

domingo, 16 de junho de 2013

Padre Zezinho escreveu esta manhã no twitter

Meus respeitos à presidenta Dilma e ao ex presidente Luiz Inácio. Não posso diminui-los, mas perderão o governo por três descuidos... INFLAÇÃO, violência e corrupção. A euforia está desmilinguindo. Não há marketeiro que salve um governo que adia estas três soluções!
A oposição de ontem perdeu o governo por promessas não cumpridas. A de hoje voltará ao governo cheia de promessas, porque o PT falhou.
Acrescente a isso o aborto, a liberação das drogas e a saúde sem recursos, enquanto nada faltou aos estádios superfaturados?Ou não foi isso?

sábado, 15 de junho de 2013

GRAVE ACIDENTE

Nos primeiros minutos do dia 16/06 ocorreu mais um grave acidente na avenida Santos Dumont. Infelizmente com uma morte.

INFORMAÇÃO ERRADA

Lendo a matéria sobre a Festa do Aipim no jornal A Notícia de sexta-feira(14/06/2013) foi citado de forma errada que as apresentações folclóricas do Shopping Cidades das Flores fariam parte do primeiro evento.

Dá a entender para quem lê a matéria, que a abertura da Festa do Aipim seria no shopping. A informação confunde o leitor. A Festa do Aipim não tem na da a ver com o evento de danças do Shopping Cidade das Flores.


PT COM PLANO B

Li na coluna do jornalista Paulo Prisco Paraíso de hoje, que o PT cogita um plano B para a eleição a presidência do Brasil  ano que vem. O plano B seria o ex-presidente Lula concorrendo novamente. Se a presidente Dilma vinha tendo queda de popularidade nos últimos meses, com essa notícia só se confirma o que economistas, alguns políticos e jornalistas já vinham conversando nos bastidores. As manifestações de São Paulo e Rio de Janeiro também são as respostas de um importante segmento da sociedade - a classe média. Claro que os protestos são direcionados a falta de justiça, ao abandono dos serviços públicos, ao assistencialismo,a própria imprensa, a omissão da classe política, aos megainvestimentos na organização da copa do mundo e claro a presidente Dilma. Essa é a hora do Brasil não fugir dos problemas e tomar o rumo certo.

quinta-feira, 13 de junho de 2013

QUEM DECIDE A PAUTA ???

Qualquer jornalista comprometido, qualquer jornal sério no mínimo deveria ter ido entrevistar o vereador Odir Nunes (PSD) para dar mais detalhes de seu pronunciamento ontem na Câmara de Vereadores de Joinville. Para minha surpresa, abro o jornal de hoje e não leio nada sobre o assunto.

quarta-feira, 12 de junho de 2013

ODIR NUNES SOLTANDO OS CACHORROS

Vereador Odir Nunes (PSD) detonando sobre o caso do Hospital Dona Helena. Vamos esperar a repercussão dessa fala nos jornais e programas matinais da 5ª feira.

terça-feira, 11 de junho de 2013

SENADORES SEM EXPRESSÃO

Acompanhei hoje pela TV Senado importante debate sobre a atual situação econômica do país. Nenhum senador catarinense se manifestou, são meros coadjuvantes. Saudades dos senadores Jorge Bornhausen e Esperidião Amin.

segunda-feira, 10 de junho de 2013

NÃO PUDE EVITAR A COMPARAÇÃO

Para quem achava que Carlito era o culpado de toda bagunça em Joinville, podem perceber que com o Udo a coisa não mudou muito.

Aliás...aliás e aliás...Maquiavel já falava:


Uma mudança deixa sempre patamares para uma nova mudança.
Niccolo Maquiavel

domingo, 9 de junho de 2013

JEC E O ESCÂNDALO POLÍTICO DA SEXTA - FEIRA

NADA MELHOR QUE UMA GRANDE VITÓRIA DO JEC SOBRE UM TIME DA CAPITAL PARA ABAFAR MAIS UM ESCÂNDALO POLÍTICO EM JOINVILLE !!! POR ISSO VIVA O JEC!!!

quinta-feira, 6 de junho de 2013

CÂMARA SÓ DISCUTE E NADA NADA NADA!!!

Fui hoje a noite na Câmara de Vereadores para acompanhar a reunião conjunta entre as Comissões de Educação da Câmara de Vereadores e da Assembleia Legislativa. Nenhum deputado estadual de Joinville compareceu. Só no meio da audiência apareceu o sr. Sandro Silva, que não sei se está atuando como deputado estadual. Senti pena da professora Dalila Leal tentando defender o governo. Não tem o que falar, apesar da boa vontade, só conjugou o verbo no futuro. Os estudantes irão para Florianópolis conversar com o governador. Os vereadores Adilson Mariano(PT) e Dorval Pretti (PPS) também comentaram sobre a precária situação das escolas.

PETRARCA ESCREVE SOBRE JESUS CRISTO

Eu amo a verdade e não as seitas. Sou, algumas vezes, peripatético, estóico, ou acadêmico, e, muitas vezes, nada disso, mas sou sempre cristão. Filosofar é amar a sabedoria, e a verdadeira sabedoria é Jesus Cristo. Leiamos os historiadores, os poetas e os filósofos, mas conservemos em nossos corações o evangelho de Jesus Cristo, que só ele é perfeita sabedoria e perfeita felicidade.

Petrarca (1304 - 1374)
Eu amo a verdade e não as seitas. Sou, algumas vezes, peripatético, estóico, ou acadêmico, e, muitas, nada disso, mas sou sempre cristão. Filosofar é amar a sabedoria, e a verdadeira sabedoria é Jesus Cristo. Leiamos os historiadores, os poetas e os filósofos, mas conservemos em nossos corações o evangelho de Jesus Cristo, que só ele é perfeita sabedoria e perfeita felicidade.

Petrarca (1304 - 1374)

terça-feira, 4 de junho de 2013

MUITO INTERESSANTE

Ataques e incêndios – dupla omissão, por João Marcos Buch *

Como existir se não sabemos onde estamos? A pergunta é da personagem Paloma, adolescente perspicaz da obra de Muriel Barbery (“A Elegância do Ouriço”), que pretende, ao completar 13 anos de idade, botar fogo no apartamento dos pais, em um aristocrata edifício parisiense, e logo depois suicidar-se, caso não encontre um sentido para a vida. A história, dividida entre os diários da adolescente e da zeladora do prédio, vai muito além da narrativa cotidiana da classe média-alta.

Em determinado ponto, a adolescente, vendo reportagem de jovens que queimam carros nos subúrbios, conclui, e se inclui, que a razão daquilo não seria desemprego ou miséria, mas sim a ausência de futuro. Os atos violentos eram resultado do sentimento de não fazer parte daquela cultura e de não ter uma à qual pertencer.

Já tive oportunidade de lançar reflexões sobre como evitar os ataques criminosos que Santa Catarina vem sofrendo. Política de Estado eficiente para o sistema prisional, valorização do agente penitenciário, investimento nas polícias Civil e Militar e, principalmente, presença do Estado nas unidades prisionais, fazendo aplicar a Lei da Execução Penal, com condições dignas de vida aos detentos, são algumas delas.

Essa posição permanece. O Estado para-legal nasce da ausência do legal. O ponto em questão, porém, é o motivo de botar fogo em ônibus e praticar outras ações criminosas contra a sociedade em geral. A explicação pode vir da criminologia. Sem adentrar na criminologia crítica, para a criminologia de base social, a violência urbana possui raízes claras. Começa pela anomia, que é a perda da identidade coletiva (Durkheim), passa pela pressão para progresso individual econômico (Merton) e finaliza com a divisão de classes (Cohen, Cloward e Ohlin) e subculturas (Escola de Chicago).

Ou seja: a violência urbana é gerada pela dissociação do indivíduo da consciência coletiva, pressionado que é a alcançar classe social economicamente superior, porém, sem condições a tanto. Assim é que o jovem, assumindo erroneamente que a felicidade está nos bens de consumo, mas percebendo que jamais conseguirá obter esses bens, parte para meios ilegais de aquisição.

Quando presos – e aqui, lembre-se que, ao contrário do que se ouve dizer, esses jovens são presos, cada vez mais (em dez anos, a população carcerária mais que dobrou no Brasil, passando de 250 mil para mais de 500 mil, com a perspectiva de em 2020 chegar ao milhão) –, premidos pela ausência do Estado e da lei que serviu para encarcerá-los, mas que não se efetiva na execução da pena, organizam-se em facções, lançando-se contra todos.

Enfim, é preciso enfrentar, num esforço nacional, a questão da violência e do encarceramento em massa. Se o Estado em curto prazo não incluir os jovens em políticas públicas que possibilitem seu crescimento educacional e humano e se não comparecer no sistema prisional, a massa carcerária aumentará, assim como esses criminosos ataques, quiçá mais graves.

Retomando o questionamento inicial, o Estado, e disso provém sua legitimidade, precisa levar ao jovem oportunidades para que se sinta pertencente, aprenda onde está e o que é, ou seja, que acredite que poderá, de maneira pacífica, crescer em igualdade com todos. Esse é o sentido da vida.

* Juiz corregedor em Joinville e conselheiro executivo da Associação Juízes Para Democracia (AJD)

Fonte: Jornal A Notícia (31/05/2013)

UMA CERTEZA

O Botafogo não será campeão brasileiro em 2013.

domingo, 2 de junho de 2013

DIVULGAÇÃO - FEUDALISMO ATUAL APÓIA

No próximo dia 12 de junho, às 20h30, acontecerá, no anfiteatro 1 da Univille, o lançamento do História da Saúde em Santa Catarina: instituições e patrimônio arquitetônico (1808-1958), de Ana M. G. Albano Amora (organizadora), doutora em planejamento urbano e regional e professora da UFRJ e da Fiocruz. Ver Sobre o livro: http://www.fiocruz.br/ccs/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?infoid=4813&sid=10 e sobre a coleção: http://www.vitruvius.com.br/revistas/read/resenhasonline/12.134/4607 .
* Vale a pena conferir e estaremos lá!!!