.

Colabore com o Feudalismo Atual escrevendo para o e-mail: juliano.bueno1971@gmail.com ou ligue para 99164-7827

quinta-feira, 25 de abril de 2013

No Brasil, 40% da população carcerária é de presos provisórios

Por Nathalia Ziemkiewicz - Revista Isto É


Morri um pouco ao conhecer a história de Heberson Oliveira. Ainda que sentisse a respiração dele por telefone, não tenho certeza de que estava vivo.
Heberson viveu 3 anos no inferno, preso injustamente em Manaus até que uma defensora pública conseguiu inocentá-lo. Ganhou a liberdade, mas nunca mais seria um homem livre. Atrás das grades, ele assistiu rebeliões, entrou em depressão, foi abusado sexualmente e contraiu a AIDS.
Sou jornalista e fiquei sabendo da história de Heberson durante uma reportagem* sobre detenções arbitrárias. Sem antecedentes criminais, Heberson ficou quase três anos na cadeia aguardando julgamento. Agora, sete anos após sua absolvição, está desempregado devido ao preconceito.
Heberson precisa de ajuda. Por isso iniciei este abaixo-assinado. Ele precisa de uma indenização da Justiça e de amparo oficial do Governo do Estado (que chefia a polícia que o prendeu injustamente sem investigação). 
Clique aqui para assinar meu abaixo-assinado e ajudar a salvar a vida deste homem que perdeu tudo por causa de um erro da justiça.
Uma reportagem não é suficiente para ajudá-lo. Por isso vim pedir que se junte a mim neste abaixo-assinado para mostrar ao Heberson que você se importa. Perca um minuto da sua vida: assine e compartilhe esta campanha. Você pode me ajudar a devolver a vida a alguém.
Compartilhe com amigos, por favor.
Obrigada!
Nathalia Ziemkiewicz
*Leia aqui a reportagem que escrevi contando a história do Heberson

Nenhum comentário: