sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Notícia é muito mais do que polêmica



Na última semana repercutiu em nível nacional as denúncias de uma aluna da rede   pública municipal de Florianópolis. Tudo que havia de errado em sua escola foi exposto não apenas para o Brasil mas para o planeta através de uma rede social. Em praticamente 24 horas as autoridades responsáveis deram outra cara a escola. A menina do anonimato virou celebridade instantânea . Triste é ver o outro lado da história onde muitos profissionais foram expostos ao ridículo como por exemplo o professor de matemática. Para abafar o mais rápido possível a situação e ainda levar vantagem com o acontecimento o poder público agiu rapidamente e pontualmente na escola da denunciante. Pronto, com a repercussão da notícia e com a reforma emergencial foram resolvidos todos problemas da educação ??? Mentira !!! A imprensa quer a notícia, não tem nenhum compromisso com a solução do problema. Na verdade a repercussão desta matéria vitimizou a figura de um profissional da educação que perdeu seu emprego. Outros casos como esse acontecem em todo o Brasil. Vira notícia, as pessoas se comovem mas a solução de fato não acontece. Leia-se ginásio de esportes de uma escola estadual de Joinville  que até o momento continua fechado e onde pessoas que não tinham  responsabilidade sobre a obra foram penalizadas.  É obrigação da imprensa trazer os fatos que repercutem na sociedade.Mas também é obrigação da imprensa ser imparcial analisando todos os lados envolvidos.

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Sem comentários

Candidato a vereador resolve fazer carreata na avenida Santos Dumont após as 17:30...Pediu para perder a eleição.

É a primavera chegando


Idéia do Feudalismo Atual publicada em 11 de setembro de 2011

Grande Terminal das Universidades

Estaria sendo planejado um novo terminal,próximo as universidades,pois aquele local é o mais movimentado de Joinville depois da área central.

Agora em 2012 li no plano de governo de um candidato a prefeito.Tomara que saia do papel. É viável.

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

El árbol del amor

Retirado do blog  marijoepintora.blogspot.com.br

domingo, 26 de agosto de 2012

Politicagem na Educação


Os baixos índices de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) colocaram o Ministério da Educação (Mec) e as secretarias estaduais de educação em alerta. Uma reforma profunda precisa ser feita para que o estudante brasileiro adquira no ensino médio: conhecimento,cultura,ética e que esteja preparado para o competitivo mercado de trabalho. Cabe ressaltar que o ensino médio público é de responsabilidade dos governos federal e estadual. É inegável que nos últimos anos o MEC investiu massivamente na formação profissional  do jovem através da criação das escolas técnicas federais em todos estados da federação. Não podemos dizer o mesmo do governo de Santa Catarina onde os índices positivos do Ideb foram comemorados mas são apenas conquistas pontuais. A implantação do ensino médio integral é a saída para melhorar não apenas os números  (burocratas adoram números) mas sim na formação qualitativa do estudante catarinense. É um erro da sociedade e da imprensa culparem apenas o ensino médio como o “patinho feio” da educação – É evidente que muitos estudantes só chegaram ao ensino médio graças a aprovação automática. Mas, que estímulo ao estudo existirá por parte de um aluno que sabe que terá sua aprovação mesmo sem merecimento ?  Infelizmente os burocratas querem quantidade, querem números, não existe a responsabilidade por uma educação com qualidade. O que de fato falta é vontade política. A escola pública precisa de investimentos e manutenção em sua estrutura física – Os professores precisam ser melhor remunerados e estimulados a procurarem uma melhor formação - A parte administrativa da secretaria de educação tem que ser técnica e não um curral político-partidário - A contratação de professores substitutos (ACTs) precisa ser mais ágil e menos burocrática. Muitas escolas são criticadas pelos pais e alunos por não possuírem professores. A contratação desses profissionais cabe a Gerência de Educação (Gered) e  as escolas é que ficam com o ônus. Na realidade o investimento estadual na escola é mínimo. O estado está refém do dinheiro de Brasília. A parceria com a iniciativa privada seria  uma saída imediata para solucionar o problema da falta de estrutura da rede estadual. O estudante teria o ensino regular em sua escola e no contra-turno complementaria sua formação profissional em uma instituição parceira. Sabemos da ociosidade dos espaços (laboratórios,oficinas,anfi-teatros,etc) de muitas escolas da rede particular. Com idéias simples e vontade política podemos fazer uma educação com qualidade em curto prazo. Mas para que isso seja uma realidade é preciso de imediato: exterminar o coronelismo e a politicagem de dentro da educação catarinense.

sábado, 25 de agosto de 2012

Na boa!!!


Perseguição Política,por Décio Cury Gröhs

A perseguição política é uma das formas mais covardes de se manipular e pressionar as pessoas. É um tipo de comportamento, de atitude, que certamente é atribuído às pessoas inseguras e fracas, comportamento esse que seria mais inteligente se fosse devotado o tempo e atenção para motivar e incentivar os cidadãos para que esses pudessem se sentir respeitados e valorizados.
Fico espantado ao ver que existem pessoas tão ingênuas, especialmente as públicas, que se acham imbatíveis, super poderosas. Será que não param para refletir que tudo é passageiro? Que tudo passa? Inclusive o poder que se julga sobre os outros? A morte é a única certeza que temos, sobretudo, que ela virá para todos. Então, por que tantos vivem atropelando os outros, desprestigiando, prejudicando, boicotando?
É uma pena vermos essas pessoas andando na contramão da vida. Perdem tempo com coisas pequenas, gostam de valorizar as picuinhas. E, o pior, é que vivem cercados de pessoas fingidas e interesseiras. Pessoas que muitas vezes ficam do lado somente enquanto dura o poder, se desligando e pulando para o outro lado logo que o poder começa a diminuir.  São os amigos do poder.
É impressionante como o dinheiro e o poder interferem no comportamento de certas pessoas, transformando-as em seres frios, sem sentimento e emoção. São seres humanos que se tornaram infelizes, carrancudos, mal humorados. Então como são infelizes, querem também fazer com que os outros também o sejam: começam a perseguir, usam de autoritarismo, ironizam. Contudo, calmamente sabemos que a tempestade vai passar, e felizmente somos resistentes para agüentar, pois, carregamos a esperança que um dia, vai passar, e que haverá respeito e parceria entre todos aqueles que caminham juntos, ainda que com ideais diferentes.

Fonte: portaldopurus.com.br (03/05/2010)

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

segunda-feira, 20 de agosto de 2012

O imortal

Ouvindo a entrevista de um candidato a vice-prefeito de Joinville hoje a tarde na rádio Cultura o mesmo soltou uma preciosidade: - Temos o melhor candidato a prefeito de Joinville. Nosso candidato está " há mais de 100 anos" administrando sua empresa...Ééégua!!!

sábado, 18 de agosto de 2012

EU ADORO JOINVILLE!!!


Fortes palavras

No lançamento do programa de governo do candidato Marco Antonio Tebaldi (PSDB) dois momentos foram marcantes:  a fala do ex- senador Leonel Pavan e a do senador  paranaense Álvaro dias(PSDB).
Realmente dois grandes políticos brasileiros que empolgaram a platéia incentivando a candidatura tucana em Joinville.

sexta-feira, 17 de agosto de 2012

O fim do PT em nível federal

Acredito que o PSDB ou Marina Silva conquistem o próximo governo federal.O PT está saindo de cena. O PMDB será o eterno coadjuvante. A não ser que aconteça uma grande reforma política no Brasil e as coligações sejam proibidas resgatando a ideologia de cada agremiação.

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

segunda-feira, 13 de agosto de 2012

Avenida Santos Dumont será duplicada em dois anos...

...Sim!!! Agora na véspera da eleição ??? Tá bom !!! Assim tão simples né!!! E vocês ainda acreditam nisso??? E eu quem sou o mentiroso???

domingo, 12 de agosto de 2012

Meninas do volei de Joinville

Nossas atletas que representam com dignidade nossa cidade.

sábado, 11 de agosto de 2012

REFORMA POLÍTICA JÁ - PMDB PEDE OUTRO MINISTÉRIO

Para apoiar Patrus, PMDB pede outro ministério

Peemedebistas mineiros querem mais uma pasta em troca do voto no candidato do PT em Belo Horizonte, informa Leandro Mazzini, na Coluna Esplanada

PMDB pede outro ministério
  A bancada do PMDB de Minas incluiu na pauta de acordo com o PT o pedido de um ministério, na virada do ano, para que fechasse apoio ao candidato Patrus Ananias à Prefeitura de Belo Horizonte. O deputado Leonardo Quintão era o nome do PMDB, mas foi preterido em prol do acordo. “Houve uma sinalização do partido de que a bancada está abandonada, precisa de um representante (na Esplanada)”, revela Quintão. “É uma demanda do partido inteiro, que já teve sete importantes ministérios no governo Lula”, complementa.

Fonte:congressoemfoco.uol.com.br (11/08/2012)

Triste forma de fazer política...Tudo bem que não exista mais ideologias...Mas vergonha na cara tem que ter.

Falta estudo...falta ação!!!

A realidade: Prefeitura não tem recursos para duplicação da avenida Santos Dumont...é fato.

O que pode ser feito: Orientar os motoristas e organizar o trânsito...é o mínimo que se espera do poder público municipal.

Obs: Orientar ...não multar,ok!!!

sexta-feira, 10 de agosto de 2012

É complicado...

É melhor correr o risco de salvar um homem culpado do que condenar um inocente.

Voltaire

quinta-feira, 9 de agosto de 2012

Será que essa é a base da sociedade ???

Leia com atenção o texto abaixo


Mulher confessa ter assassinado a filha

Uma mulher de 28 anos foi presa após confessar o assassinato da filha de 14 anos, encontrada morta no dia 15 de julho, na Rodovia Anchieta, na altura de São Bernardo do Campo, Grande São Paulo. A Polícia Civil também cumpre mandados de prisão contra outros dois suspeitos: a atual companheira da mãe; e o ex-padrasto da garota.(Fonte: Jornal A Notícia - 09/08/2012)
1º) Ela foi mãe com 14 anos...
2º) Ex-padrasto da menina...O que significa que a mãe já tinha outros companheiros...
3º) Por último, a mãe conhece outra mulher e as duas vivem juntas...

O que você acha disso tudo ???

quarta-feira, 8 de agosto de 2012

VOCÊ SE LEMBRA DISSO ???

A Associação Beneficente Evangélica de Joinville, que mantém o Hospital Dona Helena, não conseguiu obter efeito suspensivo para a apelação contra uma decisão desfavorável em execução fiscal em trâmite na Justiça Federal, que determinou a realização de leilão do estabelecimento de saúde em 21 de outubro. O leilão será efetuado para pagamento de uma dívida de cerca de R$ 1,5 milhão, em valores de 2004, com a Fazenda Nacional. A decisão do desembargador federal Álvaro Eduardo Junqueira, do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), em Porto Alegre, foi enviada hoje (23) para publicação.
O desembargador manteve o despacho do juiz Oziel Francisco de Souza, da Vara Federal de Execuções Fiscais de Joinville, que já havia negado o pedido em 6 de agosto. Souza não aceitou o argumento de que o hospital prestaria atendimento aos pobres e necessitados. Uma perícia judicial demonstrou que, de 1992 a 2001, a média aplicada pelo hospital aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) foi de 0,5% do faturamento anual.
Na decisão, Souza referiu ainda que, no período, o hospital aumentou em doze vezes a diferença entre o ativo e o passivo; manteve participação societária em três entidades privadas (Laboratório Dona Helena, Laboratório de Anatomia Patológica Dona Helena e Centro de Diagnóstico por Imagem Dona Helena), integrando 50% do capital de cada uma, e, “quando já não pagava as contribuições sociais e não gastava quase nada com o atendimento a pacientes dos SUS, promoveu a incorporação dessas mesmas empresas ao seu patrimônio”, afirmou o juiz.
“Vale observar que, por ter aplicado 0,5% de sua receita no atendimento pelo SUS, o Hospital Dona Helena pretende desonerar-se do pagamento de contribuições previdenciárias que em 2007 s omavam mais de R$ 24 milhões”, acentuou Souza. Para o magistrado, não é possível concluir que o hospital dedica-se à beneficência e ao atendimento a pessoas carentes, pois 99,5% dos serviços são prestados mediante remuneração particular ou de planos de saúde privados.
“Aos idosos, crianças e necessitados não resta outra alternativa que não o acesso aos hospitais públicos da cidade e da região, (...) mantidos por recursos públicos, que se originam dos impostos e contribuições sociais pagos pela coletividade, exatamente como não fez o apelante [o hospital]”, lembrou o magistrado. Souza considerou que a hipótese de lesão grave ou de difícil reparação, alegada pelo hospital, “ocorrerá se a receita pública não for imediatamente recomposta, possibilitando o seu retorno na forma de saúde pública”.
A decisão faz menção, ainda, ao projeto de ampliação das instalações do hospital, com a construção de um novo pavilhão, “fato público e notório no âmbito da comunidade joinv illense”, citou o juiz, para quem o projeto revela que o cumprimento das obrigações tributárias não tem prioridade. “Afinal, como e desde sempre, o que importa é fazer novos e altos investimentos. Quanto ao ônus fiscal, mais uma vez é a sociedade quem paga”, concluiu.
A dívida de R$ 1,5 milhão teve origem na falta de retenção da fração de 11% do valor pago aos prestadores de serviço. Se não houver comprador em 21 de outubro, haverá outro leilão em 4 de novembro, com possibilidade de arrematação por 50% do valor. Se a dívida for paga, com a devida correção, o leilão poderá ser evitado.

Processos 2003.72.01.002473-2, 2004.72.01.004688-4 e 2008.04.00.032411-4

Fonte: direito2.com (23/09/2008)

Pequeno comentário: E ainda  "aquele candidato" diz que cuidará da saúde do joinvilense ???  Huuuunnnn!!!!

terça-feira, 7 de agosto de 2012

Joinville lutou pela Estrada de Ferro

A Estrada de Ferro – Ramal São Francisco

A concessão para a construção de uma estrada de ferro integrando os três estados do sul do Brasil, a futura Estrada de Ferro São Paulo Rio Grande - EFSPRG; foi obtida pelo engenheiro Teixeira Soares, em novembro de 1889. Deveria ligar Itararé SP à Sta. Maria RS. Já na concessão original se previam dois ramais laterais, um para Guarapuava PR e outro que buscasse algum porto no estado de Santa Catarina a ser definido.
Em Santa Catarina, como primeiro ato do governo estadual republicano, foi sancionado o Decreto Nº 1, de 22 de janeiro de 1890, em que o também primeiro governador do Estado de Santa Catarina, Lauro Muller, concede o privilégio a Carlos G. da Costa Wigg, do Rio de Janeiro, para a construção de uma estrada de ferro que, partindo de Rio Negro, no Estado do Paraná, atravessaria a Serra Geral [SIC – é do Mar], passando por Joinville, em busca de um porto na baía de São Francisco, em local a ser determinado nos estudos preliminares. Esse projeto não evoluiu, por motivos políticos e administrativos diversos. Carlos da Costa Wigg era brasileiro, ligado à negócios na área mineral como sócio comanditário da primeira usina para produção de ferro gusa do Brasil, a Usina Esperança, em Itabira MG.
A nível federal só em 1901 foi concedida uma licença de construção de um ramal com traçado nestas condições, que hoje é conhecido como Ramal São Francisco. No ano 1903, sob comando do Dr. Francisco Leite Ribeiro, uma comissão de engenheiros e agrimensores iniciou o levantamento topográfico detalhado da linha. O primeiro estudo de traçado, cujo levantamento era do final do século XIX e que acompanhava o ato legal da licença de construção, não previa a passagem pela cidade de Joinville, o que mobilizou freneticamente todas as forças políticas locais junto aos governos estadual e federal para modificar isso. O novo estudo apresentado pela comissão liderada pelo Dr. Leite Ribeiro agora incluía Joinville no traçado. Em janeiro de 1905 iniciaram-se os serviços de terraplenagem entre São Francisco e Joinville onde grandes problemas técnicos de engenharia imediatamente se apresentaram, entre os quais o Canal do Linguado e o Banhado do Piraí-Piranga, próximo a Joinville em direção ao interior.

Fonte:www.sonarcom.com.br

domingo, 5 de agosto de 2012

Todos já sabem!!!


Jec consolida grande fase

O lindo sábado com sol foi o cenário que consolidou a grande fase do Jec sobre a boa equipe do Criciuma. Um grande espetáculo dentro e fora de campo.

sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Viva o Jec!!!

Amanhã mais um jogão de bola na Arena...Viva o Jec!!!

Muito banho de luz e pouco futebol

Cinco vezes melhor do mundo, Marta acumula mais um fracasso e segue sem grandes títulos...

Mais uma vez o futebol feminino do Brasil não ganhou absolutamente nada.

 

 

quinta-feira, 2 de agosto de 2012

Pensamento

Prefiro seguir sozinho defendendo a verdade do que acompanhar a maioria hipnotizada pela mentira.

Juliano Carvalho Bueno