.

Colabore com o Feudalismo Atual escrevendo para o e-mail: juliano.bueno1971@gmail.com ou ligue para 99164-7827

sexta-feira, 30 de abril de 2010

Planeta Bizarro - Buzina para Cadeirantes

É off, mas tb não é off, afinal é esse tipo de mentalidade do legislativo que busca legislar sobre questões secundárias ignorando a responsabilidade dos automobolistas... Retiro texto da reportagem inicial.

"Alguns motoristas desrespeitam as sinalizações de trânsito, bem como atingem velocidades acima do permitido nas vias públicas, vindo consequentemente a causar atropelamento ao cadeirante", diz justificativa do projeto.

"Não precisa ser buzina, pode ser apito"

29/04/2010 - 01:18

Autor: Nani Camargo


  • Projeto de Nilce Segalla gera críticas de cadeirantes
    Foto: Arquivo/Jornal de Limeira

Gera críticas projeto apresentado na Câmara de Limeira pela vereadora Nilce Segalla (PTB) - que prevê a colocação de buzina e iluminação em cadeiras de rodas de deficientes físicos.
Ontem, a Assessoria de Imprensa da Câmara procurou o Jornal de Limeira e disse que Nilce não gostou da forma como foi publicada ontem reportagem sobre o assunto. É que o texto do projeto de lei não aponta, especificamente, a buzina. Cita, de forma genérica, que as cadeiras de rodas deverão ter "sinalização sonora".

Em nota, a vereadora aponta que o cadeirante poderá escolher o acessório. "A sinalização sonora não precisa ser, necessariamente, uma buzina. Pode ser substituída por apito ou sirene", declarou Nilce. De acordo com a parlamentar, o projeto foi "sugestão de uma pessoa que presenciou no Centro uma cena que só não virou um acidente sério, com atropelamento e morte de um cadeirante, por ela ter gritado". "Que no lugar do grito, o cadeirante tenha autonomia para acionar o dispositivo sonoro ou luminoso para ser visto", completou Nilce.

Segundo a assessoria, Nilce também reclamou que não foi ouvida na reportagem de ontem. O JL esclarece que ligou em seu gabinete e uma pessoa chamada "Eliana" disse que a vereadora não estava "porque iria trabalhar à noite no Câmara Itinerante". Também foi feita uma ligação no celular dela. Um homem atendeu e falou que Nilce tinha ido a São Paulo.

CRÍTICAS

Vice-presidente da Associação Integrada de Deficientes e Amigos (Ainda), o cadeirante Joaquim Lázari considerou o projeto "sem sentido" e disse que a cadeira de rodas é utilizada em locais comuns aos pedestres.
Também cadeirante, José Cláudio Araújo dos Santos enviou e-mail ao JL e chamou o projeto de "indecente e constrangedor". "Logo mais vão nos cobrar IPVA, DPVAT e o emplacamento de nossa cadeira de rodas".

Leia mais assuntos relacionados

> Vereadora pede buzina em cadeiras de roda


João Guilherme Lacerda
http://blog.ta.org.br/

Colaboração:Marcello Dalla Vechia

Nenhum comentário: